Android Stock, Android One e Android Go? Quais as diferenças entre eles?

O sistema operativo móvel mais utilizado no mundo é muito mais amplo do que aparenta. Existem milhares de versões “Costumizadas” e personalizadas do Android, contudo a Google introduziu-nos três conceitos importantes, a Android Stock, Android One e Android Go.
A verdade é que existem muitas dúvidas e opiniões erradas sobre as diferenças entre essas versões. Abaixo irá ser explicado o que cada uma dessas versões é e em que diferem.

Android Stock

O sistema operativo Android nasceu em 2003, e foi comprado pela Google em 2005. Então Android Stock é o nativo, o puro e original da marca Google. Podemos dizer que é a base na qual os fabricantes das diversas marcas modificam e personalizam o software dos seus smartphones.

Portanto, o software da maioria dos telemóveis da Xiaomi, Samsung, Sony, Huawei, etc, é baseada na versão Android Stock. Embora esta versão seja depois modificada e personalizada por parte dos fabricantes. Essas modificações são visíveis nos menus, recursos extras, etc.

A Miui da Xiaomi é um exemplo de uma dessas versões da Android Stock

Então se quiseres experimentar o Android 100% nativo, precisas de comprar um smartphone com o Android Stock, como o Google Pixel.

Android One

O Android One é uma alternativa ao Stock Android. Pode ser instalado em aparelhos que não são da Google. Esta iniciativa nasceu em 2014 e consiste no desenvolvimento do software Android por parte da Google a aparelhos de marcas exteriores.
Esta é uma versão Android que obriga os fabricantes a não mexer no software, já que este é desenvolvido pela Google e isso evita que seja modificado e personalização pelos fabricantes. Por norma é vantajoso para o smartphone pois tudo o que é adicionado ao Android Stock costuma reduzir o seu desempenho.

Também poderá interessar  [Update] WeTek OS 1.1.7 para WeTek Play

Quanto às actualizações, elas são fornecidas pela Google e o fabricante decide quando as disponibilizar para actualizar no smartphone. Mesmo assim são garantidos 18 meses de actualizações frequentes.

No Android One, encontramos smartphones como o Xiaomi Mi M1 ou o A2, onde não há a camada de personalização da Xiaomi (MIUI).

Android Go

Esta versão do Android que chegou em 2017 para acabar com os problemas de fragmentação dentro da gama baixa de aparelhos. Foi criada apenas para smartphones com especificações muito reduzidas. Portanto, se um fabricante quiser instalá-lo no seu smartphone, deverá ter no maximo 1 GB de RAM e 8 GB de armazenamento, sendo esta a imposição por parte da Google.
O objectivo desta versão é que smartphones com poucos recursos funcionem da melhor forma possível e continuem a ter vida. Por isso esta é uma versão muito pura do Android, precisamente por não vir com as personalizações das marcas, e as actualizações dependem apenas da Google.
As próprias aplicações ocupam menos espaço na memória e gastam menos dados móveis, além de vir com uma versão da Play Store que destaca aplicações mais leves e económicas.

Deixa-nos a tua opinião