[TUTORIAL] Instalação do Openelec com armazenamento num Stick USB 3.0 ou num disco rígido.

1
3256

Para quem quer ganhar mais espaço no Raspberry Pi, usar um disco rígido ou uma Pen USB 3.0 para fazer a cache, aconselho este método.

12745481_10207368501903133_2082808121041492732_n

Atenção
Isto implica formatar a Pen ou o HDD, logo salvaguardem tudo o que poderão ter dentro destes.
Não me posso responsabilizar por dados perdidos!

Decidi fazer este tutorial depois de ver ai muitos com problemas de Crashes e Cache cheia no Raspberry Pi.
Eu já uso este método há mais de um ano.
Usava-o no RPI 1 B e uso-o no RPI 2 e nunca vi essa mensagem.
Uso zero cache também há mais de um ano e até agora, nunca tive problemas com o cartão SD ou com os USBs.
Isto evita também a corrupção dos cartões SD por falhas de energia ou pelo desgaste Read/Write típico do zero cache.
Acho que vale a pena testarem e decidirem se vale a pena para vocês… Para mim vale e muito!

Notas:

  • O mesmo processo pode ser teoricamente feito com um disco rígido.
    Digo teoricamente porque nunca o fiz pessoalmente.
  • Para não perderem as vossas configurações do Openelec, vão a programas, “Openelec Configuration”. Ai e em Sistema, fazem cópia de segurança do Sistema e do Kodi. Isto vai para a pasta Backup no Kodi. Para aceder a esta pasta têm de ter o Samba share ligado! Tomem também nota do IP do vosso Pi. No explorador DE FICHEIROS – Não da Internet – escrevem na barra de endereços: \\192.168.1.VOSSO IP Ai vão à pasta Backup e copiam o conteúdo para o vosso desktop. No final da instalação, vão copiar o mesmo para o interior da mesma pasta. Por fim, vão novamente às configurações do Openelec e fazem Restaurar. Por fim fica tudo como estava antes!
Também poderá interessar  [ENTREVISTA] MasterChief117 – um português na WeTek

Como o fazer:

PREPARAÇÃO
– Fazer download e instalar o MiniTool Partition Wizard Home Edition;
– Fazer download e instalar o Win32DiskImager;
– Fazer download do Openelec (NÃO da Disk Image!!);
– Abrir todos os ficheiros .txt com o Wordpad;

Formatar as várias drives (SD e USB)

1. Abrir o “Minitool Partition Wizard”

2. Inserir o cartão SD e o USB no computador.

3. Carregar com o botão direito do rato no USB e seleccionar “Delete All Partitions”. Repetir o mesmo para o cartão SD. Por fim, carregar em “Apply” no topo esquerdo do programa.

4. Carregar com o botão direito do rato na barra do SD e do USB e criar partições para cada um, usando a totalidade do espaço disponível em cada.

No USB, escolher o formato EXT4, label: ‘STORAGE’, e como Primary
No cartão SD: FAT32, Label: ‘SYSTEM’, e como Primary

5. Clique em “Apply”. Já se pode fechar o Close Minitool Partition Wizard quando terminar.

INSTALAÇÃO

1. É necessário abrir o ficheiro .tar e extrair o conteúdo para o desktop.

Depois vai copiar os seguintes ficheiros para a raiz do cartão SD:

kernel.img – está na pasta \KERNEL
a pasta \SYSTEM
tudo o que está na pasta 3rdparty\bootloader\
o ficheiro openelec.ico
e o ficheiro README.md

2. Vamos agora criar o ficheiro de arranque:

No cartão SD, vão encontrar um ficheiro chamado cmdline.txt
Abrir este com o Wordpad e encontrar a linha onde diz:

Também poderá interessar  Nova Skin "padrão" do KODI a caminho

boot=/dev/mmcblk0p1 disk=/dev/mmcblk0p2 quiet

Substituir esta linha por isto:

boot=/dev/mmcblk0p1 disk=/dev/sda1 console=ttyAMA0,115200 kgdboc=ttyAMA0,115200 console=tty1 ssh quiet
Gravar e ligar o Pi com o cartão SD e a pen USB ligada. O resto é feito automaticamente!

Um agradecimento especial ao Cláudio Albuquerque Castro que elaborou o artigo e disponibilizou para publicarmos!

Grupo de ajuda e dicas no Facebook

Adere ao nosso grupo no Facebook!

1 COMENTÁRIO

  1. Desculpe a pergunta, mas depois de pronto, ele ainda vai depender do cartão ou o que estiver na usb, vai trabalhar independente?!

Deixa-nos a tua opinião